quinta-feira, 21 de abril de 2011

” Eu procuro um amor diferente de todos que gostei… Nos seus olhos quero descobrir uma razão para viver, e as feridas dessa vida eu quero esquecer… Pode ser que eu a encontre numa fila de cinema, numa esquina ou numa mesa de bar… E eu vou tratá-la bem, para que ela não tenha medo quando começar a conhecer os meus segredos…”

3 comentários: