domingo, 1 de maio de 2011

Paramore, mudanças, realidade.

Paramore é a minha banda favorita.

Mas atualmente, me sinto mal por não me dedicar mais tanto a eles.

É um sentimento de culpa, mas eu acho que é por conta do costume que eu tinha. Eu ouvia MUITO o dia todo. E eles sempre atualizando e mandando informações na internet, com músicas novas, vídeos, clipes, shows marcantes pelo mundo e tudo mais… realmente era viciante pra mim.

Eu tinha a Hayley Williams como o reflexo de uma namorada pra mim, mas depois eu vi que não era bem assim, rsrs. Ela é maravilhosa, mas descobri que também existem mulheres como ela ao meu alcance XD

Enfim… estou numa fase de transição. Já fazem 8 meses que minha vida virou de cabeça pra baixo, e ainda não me acostumei com muita coisa. Estou me desgrudando aos poucos de lembranças e estilo de vida. Coisas como experimentar outras atividades, procurar novos desafios, atualizar biblioteca de músicas, conviver com uma variedade maior de personalidades, mudar visual, etc.

Ainda não me acostumei com o tamanho do desenvolvimento da região, sempre me impressiono com alguma coisa.

Agora tenho “olhos de consumidor” kkkkkkkkkkkk e sei o que é a tentação de poder comprar uma coisa e ter que se controlar.

No trabalho, convivo com um pessoal com outra realidade de vida… e posso dizer que aprendo sim alguma coisa com essas pessoas.

Meus amigos? Por enquanto só os vejo na faculdade. Tem os que fazem o mesmo curso que eu, e os que eu vou conhecendo nos tempos livres. Todo esse pessoal trabalha. Tem o casado, o velho muleque, o novo que já é pai, o humilde trabalhador, os jovens descolados, gente de todo tipo. Totalmente diferente do pessoal que eu convivia antes, que se resumiam à estudantes, sem muitas preocupações, turminha de 14 a 20 anos e quase todo mundo sem juízo, kkkkkkkkkk.

Não tenho tempo nem pra me coçar direito. Mas a cada final de semana eu faço algo novo, ou pelo menos tento.

 

well, por enquanto é só.

Obrigado ^^

Nenhum comentário:

Postar um comentário