quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Resumão

Olha eu aqui! Finalmente, depois daquela infecção, eu voltei. Aconteceram muitas coisas (nem tantas).

Levei 1 semana pra sarar! E os dias nesse meio tempo, foram bem difíceis. Eu estava totalmente desanimado, vendo defeito em tudo o que estava acontecendo comigo, ficando desmotivado, e resumindo… reclamando de tudo. Tenho quase certeza que era tudo devido ao meu mal-estar. Comecei a achar que minha vida estava difícil, por conta dos meus horários entre trabalho e faculdade, e que estava ficando cansativo demais (mas realmente é muito cansativo). Comecei a me comparar com amigos meus e as condições de trabalho deles, e de certa forma invejá-los :/

Cheguei a fazer um novo curriculum e procurar algo melhor. Porém, também pedi a Deus que ele me ajudasse a tirar essas idéias da cabeça. Foi incrível, pois no dia seguinte comecei a enxergar toda a besteira que eu estava fazendo. Um amigo meu, do nada tirou um tempo do trabalho dele pra jogar conversa fora comigo, e nessas, eu contei como eu estava me sentindo, e esse cara me falou uma coisa que eu acho que nunca vou me esquecer. Ele me disse o seguinte:

“Paulo, trabalhar e estudar realmente é muito cansativo, ainda mais nesse horário que saímos, mas nós somos um dos poucos que persistem, e é por isso que poucos conseguem”

E de noite na faculdade, conversei com um outro amigo. Ele não teve muitas palavras na hora, somente me ouviu. No final da noite, ele me mandou a segunda frase que me impactou bastante também:

“Nós somos criaturas emotivas às vezes capazes de raciocinar, e não criaturas racionais capazes de raciocinar”

Lembrei também de uma amiga, que até faz um tempo que não conversamos, mas em certos momentos de minha vida, eu me lembro dela e o quanto eu a admiro pelos seus modos de ver e encarar a vida.

Me dei conta de todo o drama que eu estava fazendo. Quantas pessoas não gostariam de estar no meu lugar? Estar trabalhando e fazendo faculdade. Com saúde de sobra e tendo amigos como os meus. Tem gente que ganha bem menos do que eu, tem que sustentar outras pessoas, moram longe pra caramba pra poder ir trabalhar, são bem mais velhos e trabalham em uma equipe onde o maior cargo é ocupado por um muleque como eu. E outra coisa… todos os meus amigos tem mais de 23 anos. Conclusão; está bom demais pra mim! :D Graças a Deus eu tenho essa vida que eu tenho.

E só fui me sentir 100% MESMO, essa segunda-feira. Ou seja, agora eu já sei o que é ter 20 anos nas costas, rsrs.

Eu tive que trabalhar hoje porque a empresa fez um acordo com os funcionários, que é trocar os feriados que cairem em uma quarta-feira para uma sexta-feira. Então a semana já acaba pra mim amanhã ^^

Só parecia que eu tinha muita coisa pra contar. Até tem o caso “perseguidora da faculdade” mas vou deixar pra comentar em outra postagem.

 

Obrigado, Obrigado mesmo ;)

Nenhum comentário:

Postar um comentário