domingo, 6 de novembro de 2011

Não resistindo e Obrigado Deus

Pleno domingo, depois de uma ótima tarde de filmes em casa (um deles foi uma decepção), venho até meu quarto, dou uma geral nele, deixo tudo preparado para estudar e me pego refletindo em outra coisas… não resisti e vim aqui postar.

Ultimamente meus pensamentos têm sido tão vagos. Essa pessoa que vos escreve, está com a cabeça longe, vendo tudo de outra forma e de uma maneira mais bonita. Tem tido sensações boas ao se encontrar com fragâncias perdidas ao vento, sorrisos bobos na presença de pessoas felizes, lembrando de tantos momentos em sua vida, de tantas pessoas, tantas bobeiras… uma mente inquieta e anciosa por algo que está próximo.

Quem me conhece um pouco, ou já lê sobre mim a um tempo, sabe sobre meus presentimentos aguçados. Estou curioso demais!  Alguma coisa muito boa vai acontecer comigo. Pra quem não me entende, me desculpe, eu também não sei explicar. Só conheço uma pessoa que entende como é isso. É uma amiga que hoje ela pode estar longe de mim, mas ela teve a paciência de me acompanhar por aqui. Faz um tempo que não nos falamos, mas por aqui posso compartilhar essa notícia com ela. Talvez ela saiba exatamente como estou me sentindo, e até saiba mais do que eu mesmo! XD

-----------------------------//--------------------------

Obrigado Deus

Não me considero um bom filho pra Deus, mas ainda assim Ele já fez muito por mim. Eu agradeço imensamente a vida que ele me proporcionou, e me proporciona até hoje. Já reclamei tanto de tantas coisas, e logo depois Ele sempre me mostrou o motivos do que fez comigo. Acredito ser um exemplo fiel ao exemplo da  nota de 100 reais suja. Por mais velha, suja e acabada que ela esteja, ela sempre possuirá o mesmo valor. E nós pra ele, somos a mesma coisa… independente do que aconteça, nós sempre teremos o mesmo valor pra Ele, e Ele nunca nos deixá desamparados.

Obrigado pela nossa saúde, nossas amizades, nosso trabalho, nossa felicidade, e pelos planos que tem preparado para nós.

----------------------------//---------------------------

Obrigado a você que lê meu blog, a você que está começando a ler e a você que só está lendo isso por ter procurado no histórico de meus posts, e mesmo depois de ter lido tanta abobrinha leu esse post até o fim. A propósito leitor do futuro… você poderia escrever como veio parar aqui? pode ser em anônimo ^^

Obrigado também ao Eduardo Montanari, que é um leitor que eu não faço idéia de como me achou aqui e que tem a paciência de comentar a maioria de meus posts ^^ e desculpe por não comentar tanto nos seus, mas eu admiro muito seu blog.

Enfim… Obrigado a todos vocês que direta ou indiretamente influenciam no meu bem-estar!

Um comentário:

  1. Olá Paulo. Puxa, fiquei surpreso e muito feliz em ver que você acompanha meus comentários. Eu encontrei seu blog porque vivo buscando entre blogs, aqueles nos quais seus donos postem suas experiências pessoais. Odeio blogs babacas, onde tudo o que é postado são assuntos copiados da internet ou alguma notícia que o típico "povão" gosta.
    Eu compreendo que você não comente no meu blog, pois sei que a maioria dos meus assuntos as vezes são tão pessoais que a pessoa acaba não se interessando muito em comentar, mas fico feliz por você conhecê-lo e te digo que enquanto puder, comentarei aqui no seu espaço, pois admiro pessoas como você, que se auto-analisam o tempo todo, acho isso primordial.

    Minha relação com Deus é bem particular também. Acredito em sua existência mas não fico "puxando o saco" dele ou o temendo, como muitos fazem. Faço o que quero na hora que quero, penso o que quero e arrisco estar errado ou não, tendo a certeza de que Ele tem coisas mais relevantes pra se preocupar do que em punir meus erros.

    Filmes domingo em casa não são pra mim. Odeio ficar parado em casa sem fazer nada, mesmo vendo filmes. Aliás, acho que o problema é o domingo mesmo.

    ResponderExcluir