sábado, 31 de março de 2012

Novidades. Problemas leves. Lá na faculdade.

Sempre tudo tranquilo, e sem muitos compromissos…

Minha vida acorda atrasada

ESPERA Paulo Henrique!!! Para essa semana você tem que entregar o trabalho que vale a matéria do semestre inteiro, e tem 2 provas na sexta. Na semana que vem, uma apresentação na segunda-feira valendo 60% da nota, uma prova gigante na quarta-feira, e outra apresentação maior ainda na quinta-feira. Aí sexta-feira você relaxa, ok?  Ass.: Sua querida vida.

Obrigado Deus por essa vida.

Ultimamente eu mal tenho tempo pra me coçar, e ainda tenho um monte de coisas que surgem do nada que exigem muito tempo dedicado para CADA UMA. É corrido, e não muito produtivo, mas dá pra levar. Ontem eu tive que pedir saida do trabalho pra poder fazer um trabalho da faculdade. Claro que eu não disse que era pra isso que eu precisava, mas também não menti sobre ser algo inadiável. Só disse que eu precisava da folga pra resolver uns problemas pessoais.

Pelo menos minha vida acadêmica tem sido mais justa comigo.

 

Esses dias senti falta de conversar com lésbicas, rsrs.

Eu tenho umas amigas, mas elas moram em Aracaju. E eu gostava tanto de conversar com elas, porque elas não deixam de ser mulheres e sabem conversar com você sem segundas intenções. Todas as brincadeiras e simpatias são naturais. Os preconceituosos não sabem o que estão perdendo. Até acho que seja uma boa hora para me infiltrar em outros grupos na faculdade, e conhecer outros tipos de pessoas.

Falando em faculdade, tem a menina lá né!? Então… teve um dia que eu acho que paguei pelo o que já fiz pra muitas pessoas. Aconteceu que eu a vejo de longe, e enquanto estou pensando em como ir puxar assunto, amigas dela chegam perto de mim, me cumprimentam e são extremamente simpáticas, sorridentes… um amor de pessoa. Aí eu vou até ela, cumprimento ela, mas ela mal olha na cara, não dá um sorriso, nem mais nada! Então eu olhei bem pra situação… e disse a mim mesmo: “Quer saber? eu desisto!” ahhh, poxa vida, assim não dá. E depois de um tempo, me dei conta de que eu também já fiz muito isso. Já magoei muita gente com um humor que mudava constantemente. Pode ser uma época ruim pra ela. TPM. Cólica. Essas coisas. Perdoei, mas ainda assim perdi um pouco de interesse mesmo. Poxa vida, eu só queria saber o que essa menina tem! Eu sinto que ela passa por algo que eu posso ajudar. Não sei como, mas acredito que sou colocado temporariamente na vida de algumas pessoas só com o propósito de ajudar. Ou realmente fazer uma mudança considerável, como fizeram comigo uma vez. Mas no final das contas, estava eu lá com meus amigos, e de repente… tapinhas nas costas, e era ela, pela primeira vez vindo até mim pra cumprimentar. Amoleci de novo. Sou um bosta mesmo.

 

Finalmente chegou o outono e junto dele o início do frio clássico. E eu simplesmente adoro essa época do ano, porque me dá a sensação de que estou em outra região do mundo, como o interior europeu por exemplo. Não que eu já tenha ido pra lá, mas eu tenho a impressão de que seja assim. Tenho muita admiração por aquela região.

 

Amanhã, se Deus quiser, eu vou compensar todos os finais de semana que eu fiquei em casa sem opções de lazer. Eu finalmente vou saltar de paraquédas! \o/ Quero 40 segundos de liberdade e ver esse mundo do alto.

 

Por enquanto são só essas abobrinhas mesmo.

Obrigado

Nenhum comentário:

Postar um comentário