segunda-feira, 2 de julho de 2012

Voltando ao velho eu

Se tem uma coisa que eu sinto falta, é do meu ritmo de vida de alguns anos atrás. E aos poucos estou conseguindo deixar como era antes. Na verdade, as coisas só foram mudar mesmo depois que eu vim pra Jundiaí (nem faz tanto tempo assim).

Bem, Graças a Deus eu passei pela fase do “não tenho tempo pra nada”, não existe mais coisas do trabalho que me façam ficar ocupando meus pensamentos com preocupações, comprei as coisas que eu queria, fiz algumas coisas que eu precisava, e pra ajudar estou de férias. Posso me sentir voltando a ser como eu era antes.

As coisas novas do dia a dia estão na faculdade. Sentir aquele ar de pesquisa, a necessidade de aprender as coisas, buscar dominar assuntos, passar um tempo na biblioteca e tudo mais…

…Curtir minha música enquanto viajo no meu mundo virtual…

…Vejo aquela tarde, que mistura a claridade do entardecer, o céu azul partindo para o alaranjado e o clima fresco, e saio para dar uma volta de bicicleta. Exploro os lugares, ou ando por onde já conheço, porém gosto de prestar atenção nos pequenos detalhes do que me rodeia. Vejo “fotos” e guardo as cenas pra mim. E agradeço a Deus por me oferecer a oportunidade de viver…

… sem aquela coisa de “nossa, preciso de pessoas em minha vida!”. Não que eu não queira mais contatos, é que simplesmente voltei a me dar por satisfeito com o que eu tenho. Meus amigos são X, Y e Z e realmente SÃO meus amigos. As pessoas irão surgir em minha vida no momento certo, simples assim…

E fica assim mesmo, Só eu e um espaço vago do meu lado.

 

Ósculos e Amplexos

Nenhum comentário:

Postar um comentário