segunda-feira, 29 de outubro de 2012

Semaninha com coisinhas

Owl city me dá nostalgia…e de novo, aquela sensação que tinha um monte de coisa pra escrever aqui, e não me lembro.

Hoje foi mais um domingo servindo o país. E que domingo! Passei por uma situação esquisita lá na escola onde eu estava… Primeiro senti uma coisa estranha na barriga, apertava muito. Então me levantei e fui na porta da salinha pra ver se tomava um ar e ajudava em algo. Depois deu uma outra pontada bem forte. Essa escureceu minha visão e perdi o equilíbrio. Quando tentei voltar pra sala, eu fiz um zigue-zague na tentativa de ficar em pé, e me apoiei em uma cadeira. Comecei a sentir o corpo inteiro frio, a visão escurecendo, e as vozes das pessoas pareciam que estavam longe. Eu ouvia bem baixinho, quase que sumindo. Depois fui voltando ao normal, e não aconteceu mais. Esquisito. Nunca tinha passado por isso antes.

-------------------------//-------------------------

Quarta-feira tirei um dos dias que ganhei por ter sido mesário, e aproveitei pra ir no banco. Sim, no banco DE NOVO! Fui lá no Bradesco da ultima vez, pra cancelar meu cartão e automaticamente foi feita a solicitação da 2ª via pra mim. Só que chegou o bendito, e com a função crédito bloqueada! Ç_Ç A mão coçando pra comprar cossitas na internet, sem poder assistir filmes com a conta do NETFLIX bloqueada, sem poder acessar a PSN por conta dos dados desatualizados, etc… Como estava dizendo, fui no banco só pra desbloquear a função crédito, esperei um tempão pro bendito terminal voltar (sempre acontece isso ¬¬ ), e tive minhas suspeitas quanto à efetivação da minha solicitação. Inventei de ir com a camiseta de uma das minhas séries favoritas (The big bang theory) que eu confesso que a uso não somente por ser fã, como também para atrair pessoas com o mesmo gosto. Só que eu não esperava que as moças do banco fossem deixar um pessoal na fila esperando, pra ficar conversando sobre a série comigo, rsrs. E eu daquele jeito, em pé já, andando pra trás aos poucos, sem querer ser chato de falar “não tenho tempo pra conversar moça”, fui me afastando, e as pessoas que estavam esperando ficavam só acompanhando a conversa, rsrs. Pelo menos não pareciam estar bravos, e por incrível que pareça, parecia que estavam prestando atenção na conversa. Acho que alguns inclusive anotaram o nome da série XD.

Depois fui tirar a cara de largado que eu estava (cortar o cabelo e tirar a barba), e dentista. Fiquei novinho em folha ^^

Só que até agora o tal cartão não funciona ¬¬

Só vou esperar mais essa semana hein!

-------------------------//-------------------------

Na faculdade… bem… tem outra menina na minha cola de novo.

Só que ela é meio grudenta! Só quer que eu converse com ela, fica falando que gosta muito de mim, só que não tivemos nem 1 hora de conversa pessoalmente. E o pior é que eu falei isso, rsrs. Disse que não podia gostar tanto de mim como dizia, pois não me conhecia direito pra afirmar aquilo, rsrs. Maldita sinceridade. Mas sei lá viu… acho que ela quer namorar, e nessas de considerar a hipótese de eu passar a gostar dela, eu me dei conta que estou desiludido. Verdade. Acho que não sentirei o que eu já senti um dia, nem tão cedo novamente. “Desencarnei” dessa história de namorar. Vou ficar na minha mesmo, como já fui um dia. Preciso focar mais nos meus objetivos principais.

Fora isso, estou cheio de trabalhos. Inclusive terminei um agora de noite Smiley confuso

-------------------------//-------------------------

No mais, é só.

Obrigadopela paciência.

Ósculos e Amplexos.

quarta-feira, 24 de outubro de 2012

A Hospedeira – O filme

Estréia em março de 2013!! Nossa, estou ancioso por esse filme. Eu li o livro em 2010 e sempre lembro da história. É da mesma autora da saga crepúsculo. Muito bom! recomendo ;)

Um pouco mais:

Elenco: Saoirse Ronan, Diane Kruger, Max Irons, Jake Abel, William Hurt, Frances Fisher, Chandler Canterbury, Boyd Holbrook.

Direção: Andrew Niccol

Gênero: Suspense

Duração: --- min.

Distribuidora: Paris Filmes

Estreia: 29 de Março de 2013

Sinopse: Na história, nosso planeta foi dominado por um inimigo que não pode ser detectado. Os humanos se tornaram hospedeiros dos invasores: suas mentes são extraídas, enquanto seus corpos permanecem intactos e prosseguem suas vidas aparentemente sem alteração. A maior parte da humanidade sucumbiu a tal processo. Melanie é um dos humanos "selvagens" que ainda restam, é capturada, ela tem certeza de que será seu fim. Peregrina, a "alma" invasora designada para o corpo de Melanie, foi alertada sobre os desafios de viver dentro de um ser humano: as emoções irresistíveis, o excesso de sensações, a persistência das lembranças e das memórias vívidas. Mas há uma dificuldade que Peregrina não esperava: a antiga ocupante de seu corpo se recusa a desistir da posse de sua mente.

Fonte: Cinepop

domingo, 21 de outubro de 2012

Gosto daqui, a semana passou rápido, coisas aconteceram.

Eu deveria estar estudando agora, lendo uns 5 sites que estão abertos aqui a dois dias, e começar a digitar alguma coisa no word.

Mas não… Estou aqui, no meu cantinho, que esconde o Paulo Henrique que poucos conhecem. Já disse que adoro esse lugar? Pois é, adoro escrever aqui. Além de ser o meu espaço, ele acabou ganhando valor sentimental. Pessoas incríveis que passaram pela minha vida estão registradas aqui de alguma forma. Até mesmo a base de sustentação desse blog, a qual me motiva a escrever aqui, é graças a uma pessoa.

Bom… essa semana foi legalzinha. Passou muito rápida! Não acha? Tanta gente disse isso… até fico me questionando sobre a consistência da teoria da relatividade.

Lembro que segunda-feira foi dia do professor e eu não tive aula. No decorrer dessa semana, eu conheci uma menina que eu só conhecia pela internet, lá da faculdade… sabe aquelas pessoas que te adicionam sem nem te conhecer? Então… COMO elas nos acham? Sei lá viu…  sei que conheci ela lá, batemos um papo rápido e tchau, não vi mais, kkkkkkkkkkkkkkk. A louca da faculdade voltou a me perseguir! D:  Que droga… até me peguei refletindo, que é triste a verdade. Pois se ela fosse bonita, ou soubesse conversar sem ficar dando indireta (na verdade, diretas das mais descaradas que eu já ouvi) eu tenho certeza que eu teria dado chances pra ela. Mas poxa! A louca nas únicas oportunidades que ela teve de falar comigo, só sabia falar do tempo que ela me olhava, de achar que eu poderia sentir algo por ela, se teríamos chances de ficarmos juntos, que eu era isso, aquilo, mimimi, mimimimimimimimi, argh… Sem contar o medo que ela colocou ao me perseguir por mais de 1 ano sem falar nada. E esses dias, eu a vi no shopping, acenei porque eu não sou antipático, e até a minha mãe que estava junto achou ela esquisita… depois eu contei pra ela que aquela era a “doida da facul”. Aiai…

Domingo passado fomos no mercadão municipal de São Paulo. Objetivo: Comer o famoso pão com mortadela, que comemos pela primeira vez quase dez anos atrás.  Chegamos lá, cheio de carro circulando, tatata, achamos um lugar pra estacionar, na RUA, que continha um caixote cujo pertencia a um menininho. Ele estava “vendendo” aquela vaga da rua. Pois é… o muleque segurou um espaço na rua para caso alguém quisesse estacionar ali, ele cobraria a pessoa. Sabe quanto? R$15,00 (QUINZE REAIS!!!) 17

E sabe o que mais?! Por 2h (DUAS HORAS!!!) Éééé… não pague pra você ver… domínio público hein. Esqueci de contar que o menininho chamou um negão pra negociar o preço da vaga, kkkkkkk verdade. Mas vamos perder tempo, chamando polícia pra reivindicar direitos? Que nada… por R$15, deixa o carro ali mesmo, tranquilo, e vai curtir o passeio.

Passamos um tempão procurando lugar lá, pra depois descobrir que tinha uma fila de espera. Fomos ver a fila…

Meu pai: – Paulo Henrique, segura lugar aí que eu vou chamar elas (irmã e mãe)

Eu: – Ok… (essa é a fila)525052_10151196006959626_16179917_n

Um tempo depois, chegam eles, e já havia mais gente atrás de mim. Quando minha mãe chegou pra conversar comigo, já pensei “A galera vai achar que é migué da minha mãe pra furar fila”. Já dei logo uma de “João sem braço”, e falei que não ia adiantar eu ter ficado ali, porque a mesa seria para 4 pessoas, e que pra isso teríamos que ir todos para o final da fila.

Aí minha mãe falou: - Nada, na hora que chegar a sua vez, eu acho que eles perguntam quantas pessoas são.

Eu: - Será?

Gordinha atrás de mim escutando a conversa diz: – Você pegou a ficha? Porque quando você vai lá pegar a ficha, você já diz para quantas pessoas são.

E eu lá sabia de ficha, pra fila, pra comer pão com mortadela! rsrs. Mas não é qualquer lanche, vale a pena mesmo.

Agradeci a ela pela informação, sai da fila, e em 5 minutos achamos lugar em um bar não tão famoso.

IMG_1841

IMG_1842

IMG_1845

Não lembro o que estava aprontando nessa hora XD

IMG_1849

-----------------------------------//-------------------------------------

Ontem fomos no novo shopping da cidade. E olha… ficou muito bom! As melhores franquias vieram pra Jundiai nesse shopping :D

Sabe a Fini? Aquela empresa de doces extremamente bons? Então… fizeram uma loja aqui! E tem coisas exclusivas de loja!

A saraiva é melhor que eu já vi! Tem até um StarBucks dentro dela!

-----------------------------------//-------------------------------------

Aí ontem começou o horário de verão, e “perdi” uma hora de minha vida, a qual só irei receber de volta ano que vem.

-----------------------------------//-------------------------------------

Acabou… são 22h e preciso levar meu cachorro pra passear e voltar/começar meus relatórios.`

Obrigadão pela paciência

Ósculos e Amplexos

sábado, 13 de outubro de 2012

Por que as pessoas entram na sua vida?

“Pessoas entram na sua vida por uma "Razão", uma "Estação" ou uma "Vida Inteira". Quando você percebe qual deles é, você vai saber o que fazer por cada pessoa.

Quando alguém está em sua vida por uma "Razão"... é, geralmente, para suprir uma necessidade que você demonstrou. Elas vêm para auxiliá-lo numa dificuldade, te fornecer orientação e apoio, ajudá-lo física, emocional ou espiritualmente. Elas poderão parecer como uma dádiva de Deus, e são! Elas estão lá pela razão que você precisa que eles estejam lá. Então, sem nenhuma atitude errada de sua parte, ou em uma hora inconveniente, esta pessoa vai dizer ou fazer alguma coisa para levar essa relação a um fim. Ás vezes, essas pessoas morrem. Ás vezes, eles simplesmente se vão. Ás vezes, eles agem e te forçam a tomar uma posição. O que devemos entender é que nossas necessidades foram atendidas, nossos desejos preenchidos e o trabalho delas, feito. As suas orações foram atendidas. E agora é tempo de ir.
Quando pessoas entram em nossas vidas por uma "Estação", é porque chegou sua vez de dividir, crescer e aprender. Elas trazem para você a experiência da paz, ou fazem você rir. Elas poderão ensiná-lo algo que você nunca fez. Elas, geralmente, te dão uma quantidade enorme de prazer... Acredite! É real! Mas somente por uma "Estação".

Relacionamentos de uma "Vida Inteira" te ensinam lições para a vida inteira: coisas que você deve construir para ter uma formação emocional sólida. Sua tarefa é aceitar a lição, amar a pessoa, e colocar o que você aprendeu em uso em todos os outros relacionamentos e áreas de sua vida. É dito que o amor é cego, mas a amizade é clarividente. Obrigado por ser parte da minha vida.

Pare aqui e simplesmente SORRIA.

"Trabalhe como se você não precisasse do dinheiro,
Ame como se você nunca tivesse sido magoado, e dance como
se ninguém estivesse te observando."
"O maior risco da vida é não fazer NADA."

Martha Medeiros

sexta-feira, 12 de outubro de 2012

Esse tal de tempo....

"...o tempo NUNCA para. Ele não passa mais devagar  quando acabamos um namoro, brigamos com os pais, levamos bomba naquela prova ou quando levamos aquela puxada de tapete. Ele é constante e continuo NADA pode afetar. Despois dessa grande constatação percebi que hoje tudo que eu queria fazer a 3 anos eu já faço e que a coisa que eu mais quero nesse momento e colocar freios em minha vida para que eu consiga controlar cada segundo dela [...] Mas queria ter mais tempo para tomar pequenas grandes decisões do dia- dia e parar de ficar mais velha a cada segundo para curtir cada momento da minha vida, quem não quer....A única coisa que eu posso desejar é que a maturidade venha,e que minha essência não mude."

Logo Depois das Dez

O que tem feito?

O ciclo e minha posição atual

No mundo temos as mulheres e homens “certinhos”. Mas se as mulheres certinhas se atraem pelos caras que não são certinhos, sobra para os homens certinhos as mulheres que não são certinhas. E mulheres que não são certinhas, até gostam um pouco dos caras certinhos. O problema, é que os caras certinhos não sabem o que fazer com elas. Então os caras certinhos aprendem com elas. Logo, os caras que deixaram de ser certinhos, passam a atrair as mulheres que são certinhas.

 

Será? Conheço excessões... mas me peguei refletindo.

Vale mesmo eu chutar o balde? Todas as oportunidades que tive, que tantos outros queriam, e eu negligenciei… valeu a pena? Tenho pra mim que sim.

“Ahhh Paulo Henrique, mimimi, não pode ser assim! Deixa a vida te levar, faça essas loucuras mesmo, pegue todas, aproveita que você é jovem…”

E sabe… todas as vezes que eu tive uma oportunidade/proposta oferecida, no mesmo instante eu refleti rapidamente comigo, e não pensei na “diversão” que eu teria, e sim na série de “diversões” que eu aceitaria posteriormente também. E o que eu disse pra mim mesmo é; “vai dar merda”.

Principalmente pra mim, que vivo me apaixonando fácil…. kkkkkkkkkkkkk só que eu respeito meus sentimentos pela mulher que eu estiver gostando. Pois é, não tenho compromisso, mas não conseguiria sentir respeito por mim mesmo se eu estivesse “investindo” em mais de uma ao mesmo tempo. Sei lá porque, mas cresci pensando dessa forma e tendo pra mim que isso é o certo.

E aqui estou eu. Quem eu seria se tivesse pego o outro caminho?

Hummm….

Não, obrigado. Eu gosto como eu sou ^^

Ósculos e Amplexos

sábado, 6 de outubro de 2012

Muitas coisas e poucas palavras

Fiquei o quê? … umas 2 semanas sem postar?

Na semana retrasada eu estive um pouco ocupado, então não tive tempo e paciência de postar aqui. Foi uma semana inteira de provas e tive que estudar no final de semana e no tempo que eu tinha entre faculdade e dormir (23h pm – 01h am). Ou seja… fiquei só a capa do batman. Mas graças a Deus tudo deu certo e tirei umas notas rasoáveis que compensaram meu esforço.

Tive um empecílio com meu cartão de crédito… mas não foi nada grave. Só uma fralde de principiante. Alguém pegou os dados do meu cartão e fez um gasto de R$30. Na loja da playstation ainda! kkkkkkkk mas antes que o indivíduo se empolgasse com seu feito, eu tirei uma tarde pra cancelar o cartão. Cancelei, tudo tranquilo… até que eu lembrei que eu tinha coisas pra pagar, tirar dinheiro pra me sustentar, e outras coisas que dependem do meu cartão. Me senti praticamente pelado sem ele, rsrs (compro até pão de queijo com cartão). Enfim…

Também me surgiu uma oportunidade de estagiar na empresa para qual a minha presta serviço. Nossa, admito que coçou minha mão pra pedir as contas e pular “pro outro lado”. Resumindo, a proposta seria ganhar 200 reais a mais do que eu ganho, sem descontos, com direito à benefícios, não poder fazer hora-extra, contrato de 1 ano no mínimo, na controladoria da empresa, e trabalhando uma semana 4 dias, na outra 3, uma 4 e na outra 3, e assim vai… (deu pra entender?). Eu teria mais tempo pra estudar, poderia ir direto da empresa pra faculdade, iria adquirir experiência, ganhar horas extra-classe na faculdade, e tudo mais. Mas ao mesmo tempo eu gosto muito da minha empresa atual. É um local que eu trabalho tranquilo, tenho excelentes chefes, colegas de trabalho que me fazem rir o dia inteiro, não sofro pressão, meus benefícios são ótimos, tenho perspectiva de crescimento muito maior do que na outra empresa, e outras coisas. Decidi não aceitar a proposta. E uns dias depois, fiquei sabendo que não daria para eu entrar no estágio, por eu ser terceiro (teria que ter no mínimo 6 meses de desligamento da minha atual empresa). Fiz o que devia ser feito :)

Bom, do jeito que eu estou, eu já levei o curso praticamente inteiro. Senti mais necessidade de tempo, pra poder estudar mais e tirar o atraso de conteúdo que eu perco por chegar todo dia 30 minutos depois da aula. Então, finalmente comprei meu primeiro notebook! :D Agora não vou mais depender de computador na faculdade pra fazer meus trabalhos no laboratório lá, e vou poupar meu tempo em casa depois da faculdade. Tudo bem que já está no final do curso, mas aí é que surge mais urgência mesmo.

Acredita que nesse mês eu pensei que teria uma namorada?! rsrs. Verdade. Mas eu me policiei bem quanto ao desenvolver de meus sentimentos, para não me precipitar e me iludir. E me surpreendi comigo mesmo. Quando eu vi que a coisa dentro de mim estava pra explodir, eu decidi tomar uma atitude que iria definir de uma vez se eu poderia continuar a alimentar as ilusões dentro de mim ou não. E foi ótimo ter feito isso. Descobri que desde o início foi ilusão minha. Me senti traído, sem ter o direito de me sentir traído. E perdoei um amigo. Descobri o quanto vale o perdão. Há quem diga que já perdoou pessoas - eu dizia - mas dessa vez eu senti algo diferente. Me senti feliz ao perdoar meu amigo, e uma enorme vontade de sorrir e agradecer à Deus pela minha vida. Foi algo totalmente diferente pra mim.

Estou sentindo uma enorme necessidade de mudanças em minha vida. Fico pensando no que será de mim depois que terminar o curso. Será que eu vou terminar esse ano mesmo? Vai que, Deus me livre, eu fique com algo pendente pro ano que vem? Se eu for promovido, vou voltar a cursar engenharia ou guardar dinheiro para meu tão sonhado intercâmbio? Se eu começar a namorar antes de conseguir meu intercâmbio, eu vou ter coragem de ir? Será que vai ser para o Canadá mesmo? E se aparecer uma proposta irrecusável pra trabalhar em outra empresa? E se eu for demitido ano que vem? Nossa, penso muitas coisas a respeito de meu futuro.

Minha meta é o Canadá ano que vem. Com promoção ou sem promoção. É um sonho, e eu tenho o planejamento pra ele. Só Deus, meus pais e minha irmã podem me impedir.

Acho que preciso andar de bicicleta um pouco ^^

Amanhã serei mesário à uma quadra de distância da minha casa. E vou ganhar 2 dias de folga na empresa \o/

Obrigado pela paciência

Ósculos e amplexos