terça-feira, 27 de novembro de 2012

"Tem hora que é imprescindível chutar o balde. Tem hora que é fundamental deixar a verdade nua e crua vir à tona. E você passa a achar que não tem vocação pra ser legal o tempo inteiro. E é verdade. Ninguém tem. É cansativo. Desgastante. Já somos legais à beça por tentar. Tem gente que nem isso."

Martha Medeiros

sábado, 24 de novembro de 2012

A certa

Não tem pra onde correr… Posso admirar o quanto for, sentir atração por uma menina e tudo mais, mas enquanto eu ainda tiver olhos para outras que vão aparecendo, ela certamente não é a que eu procuro.
Sei muito bem o que é não ter olhos pra mais nenhuma outra.
O dia que eu ir dormir pensando nela, acordar pensando nela, fazer todos os meus planos pensando nela, compartilhar as conquistas, momentos, sorrisos, e querer ser inteiramente dedicado a ela… Significa que eu achei quem eu procuro.

segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Pós muitas coisas

O que falar de duas semanas??

Well… semana retrasada, eu passei o final de semana estudando. Eu me responsabilizei por um trabalho do grupo da faculdade, o qual era para todos terem participado. Porém, pela falta de conhecimento e disposição dos demais integrantes do grupo, eu me propus a fazer sozinho, mas sem prometer o meu selo de qualidade kkkkkkkkkkkkk que basicamente significa um trabalho mais bem elaborado sem colas da internet e totalmente escrito baseado em leituras do assunto em questão. Enfim… Terminei ele no final da tarde do domingo, e sem disposição alguma de continuar a olhar para esse monitor e digitar mais coisas. (Me desculpe, se é que alguém sentiu falta)

Pois bem…

Na semana retrasada ainda, também tive uma notícia que me colocou em desespero. Minhas horas de atividades complementares da faculdade, deveriam ser entregues até o dia 16/11, caso contrário eu não iria me formar. Como 16 era numa sexta, as aulas iam até o dia 14… eu tinha que fazer as 145 horas de atividade complementar, em um final de semana, o qual eu tinha um trabalho gigante pra entregar, e 4 provas pra estudar… Ou seja…. “Coordenação, quanto eu vou ter que pagar ano que vem só pra poder entregar as atividade complementares?”. Pois é… sentiu o drama? Aí, graça a Deus, descobri que existe a negociação com o coordenador do meu curso, surgiu uma turma fazendo arrecadação que vai valer como hora complementar, descobri que por eu ter sido mesário também vai valer algumas horas (eu servi o país pô! XD ), e que vou poder entregar até o dia 30. AGORA COOORRRRREEE PH.

Então… Aí, eu tive os três dias de provas. Tive duas na segunda, e uma na terça e quarta. Contei cada segundo que passava durante esses dias por causa de minha viagem para Itapeva no feriado.

MÃÃÃÃssss, essa semana teve BONUS! Claro que teve… afinal estamos falando da vida do Paulo Henrique aqui. A ultima menina que mencionei AQUI, ficou MUITO na minha cola nesses ultimos dias. Ela ficou toda hora, “vamos conversar”, “você vai pra facul?”, “Cadê você? Vamos  conversar”… E sabe… eu não vou mentir que eu não sei qual é a dela, mesmo porque um amigo dela veio me contar, mas eu também não ia ser chato né?! Eu enrolava um pouco com meus amigos, fingia que não tinha visto a msg ainda, aí eu ia lá conversar com ela. E a conversa fluia naturalmente. SÓ QUE, o negócio é do interesse dela, e ela fica pedindo pro amigo dela me contar as coisas como se fosse para ela não saber que ele estava me contanto (como se eu tivesse nascido ontem), e quer que EU faça alguma coisa. MIMIMI “atitude PH” ¬¬

 42

Não é de meu interesse, não sou eu que vou fazer alguma coisa.

Sério… e o esquema é meio descarado. Porque eu falo com o amigo dela, fingindo que eu não sei que ele vai contar pra ela (só pra constar a fidelidade da “troca de informações”, esse amigo dela é gay). Então, ela me vem com umas conversas que ela diz exatamente as coisas que eu digo sobre mim, porém adaptado pra ela, e ainda me fala que temos muitas coisas em comum… “AH VÁ!? Tudo o que você me disse, é tão familiar.. até parece com umas características minhas que eu contei pro seu amigo.”

 

------------------------------------//------------------------------------

Mas, finalmente fui para Itapeva! \o/

Lá já fui logo no PUB da cidade com meu primo, uns conhecidos e minha irmã.

Andei pela avenida principal da cidade, apreciei bem aquele momento de caminhada, ouvindo música… sentei um pouco para observar o movimento, fui no Grande Nada esperar o sol se por, e voltei pra casa.

Fui com meus pais, primos e tios para o PUB de novo, e… passei mal. E não foi bebida ¬¬  Meu tio acha que foi virose que nos atacou. Sensação muito estranha.

Aí ontem, já umas 9h da noite, eu acordei de uma das minhas cochiladas do dia inteiro, e estava novinho em folha! Sai desesperado pro mercado comer/tomar alguma coisa. Cheguei na lojinha de suco, pedi o suco de Abacaxi, com couve, hortelã, salsa, e água de côco (estava escrito “fortalecedor para o corpo”).

E pronto…

Hoje fui no sítio do tio de manhã, e depois voltei pra Jundiai. Foi uma viagem muito boa :D

O Grande Nada – caminhadas, jogos de quadra, e atividades para idosos.

23895_10151248288019626_2018676130_n

O PUB – Primeiro dia

189737_4828537311979_1065093897_n

Alimentando o cavalo da prima XD

IMG_2780

 

Obrigado pela atenção

Ósculos e Amplexos

domingo, 4 de novembro de 2012

If I feel

tumblr_mbwuy1ipCB1rvi979o1_500

Se eu me apaixonar por você
Você prometeria ser verdadeira
E me ajudar a entender?
Porque eu já estive apaixonado antes
E eu descobri que o amor era mais
que só andar de mãos dadas

The Beatles

sábado, 3 de novembro de 2012

Loucuras de minha existência

03 de Novembro! Tem noção!?

Bateu uma ansiedade, um desespero, uma angústia, medo, tudo junto de repente….  dentro de 1 mês eu estarei formado. Um primo meu estará formado. Faltará um ano para minha antiga turma de engenharia se formar. Pessoas que eu conheço desde criança estarão na metade de seus cursos. Minha irmã vai entrar na faculdade…. MEU Deus! Às vezes da vontade de chorar. Algumas vezes já chorei.

Acho que dedico muito meu tempo de reflexão para me preparar pra vida. Tomei a postura de ser prevenido ao extremo. Preciso dar uma relaxada. Às vezes não sei se realmente quero “engatar” meu curso de engenharia de volta logo ano que vem. Será que 6 meses de pausa me prejudicariam tanto assim? Sabe do que eu sinto falta? Sinto falta de estar em casa por volta das 17:30h, pegar uma tigela de sucrilhos e sentar no sofá pra ver o que está passando enquanto observo a cor do céu escurecer lentamente. Sinto falta de visitar amigos sem a preocupação de estar muito atarefado.

Quantos passeios e encontros eu já não perdi por causa de coisas da faculdade!? Sei que estou plantando agora pra colher depois, mimimi, mas minha mente pede isso.

Tenho em mente fazer meu intercâmbio ano que vem. Seria tudo o que eu preciso no momento! 6 meses com 100% do meu tempo ocupado com coisas novas. 6 meses de experiências únicas. 6 meses que me trarão um retorno de muito mais oportunidades do que eu possuo agora.

E depois? Tenho a sensação que essa sede não vai acabar…. então fico maquinando comigo, cenários em que eu junto o meu dinheiro e saio fora para algum lugar distante. “Cansei, quero morar no interior de Santa Catarina”. “Cansei, vou pra África ajudar alguma ONG por algum tempo”. Pessoas juntam dinheiro para comprar objetos de desejo, e eu quero juntar dinheiro pra comprar sensações e experiências. “Ahh Paulo Henrique, e você não vai ter família não?”. eu não vou ter motivos pra sair procurando emoções ;) Uma vez que eu construa uma família, acredito que minha vida estará cheia de surpresas e emoções.

--------------------------//--------------------------

Já cheguei a pensar em morar em Itapeva, minha cidade natal. Gosto daquele lugar pequeno, aquele clima, as pessoas… Mas por outro lado, eu posso gostar porque eu só vou pra lá quando está em clima de festa. Tá, morei 6 meses lá… e ainda assim eu gostava. Quase todo jovem lá não aguenta mais ficar por lá, mas eu só acredito que vou entender isso quando eu morar por mais tempo.

O fato é que não consigo pensar em morar longe de minha família. Acho até mesmo que eu não conseguiria passar mais do que 1 ano no exterior. Já sinto saudade da minha cama com 1 semana fora de casa, imagina longe dos meus pais!? rsrs. É… eles podem ficar bem tranquilos quanto aos meus planos no exterior.

--------------------------//--------------------------

Esses dias eu tive lembranças muito fortes de Aracaju. Às vezes a saudade bate, mas eu tento me distrair pra não ficar pensando em tudo. Só que essa semana foram uns 3 dias seguidos de lembranças. No caminho para o trabalho ou na volta pra casa, eu fechava os olhos e me sentia lá… o que me fazia abrir os olhos rapidamente pela sensação esquisita de estar em outro lugar tão de repente. Parecia um sonho.

Já tive essa sensação outras vezes. Não sei ao certo se era Aracaju mesmo, mas me via na mesma intensidade de felicidade e satisfação. Me assusta um pouco, porque eu tinha essa sensação em sonhos que eu me via mais velho já, algumas vezes até acompanhado de crianças. Vou tentar descrever…

A sensação é boa, mas ao mesmo tempo é como mergulhar. Você se sente em outro ambiente sabe? Às vezes eu me vejo na cena, e outras vezes vejo em primeira pessoa mesmo.

Olha… juro que tentei descrever mais aqui como e qual era a sensação. Mas sei que tem muita gente que acha loucura, e que vai tentar me dar um monte de explicação para meus sentimentos, então apaguei tudo e decidi não comentar mais. É muito complicado de entender.

--------------------------//--------------------------

Ahhh, coloquei as fotos do passeio ao mercado municipal que você pediu ;)

 

Obrigado pela paciência

Ósculos e aplexos.

tumblr_mbyh7cQFvW1qlee1oo1_500

sexta-feira, 2 de novembro de 2012

O bagulho do paulista e seus registros

Pensei aqui comigo... “O que eu escrevi 1 ano atrás? Ou até mesmo 2 anos atrás?” Fui dar uma olhada, e tenho resgistrado aqui ^^

03/11/11

Haha, eu já falava da minha vontade de pular de paraquédas (saltei 5 meses depois). Comentei do passei que fiz com meus amigos pra Minas Gerais, que resultou em um post posteriormente também, e nos recordamos sempre da viagem. Eu havia me livrado da raiva de minha correria, mas sabe que esses dias esse sentimento me tomou conta novamente? rsrs, será que é sazonal? Ainda estou na correria “trabalho-faculdade”. Quanto a menina, bem… foi a que dispensou meus sentimentos agora em setembro ainda, rsrs. Pois é… como as coisas são né? kkkkkkkk

http://bagulhodopaulista.blogspot.com.br/2011/11/precisando-postar.html

01/11/10

Mencionava sobre terminar o blog… e aqui está ele! Firme e forte! Um ano depois :D Falo sobre meu receio do que pensam de mim com as coisas esquisitas que eu escrevia, e acabei me dando conta aqui que faz tempo que eu não coloco algumas de minhas “viagens” rsrs. Mas espero que ainda consiga fazer alguém rir, seja lá com o que for ;)

http://bagulhodopaulista.blogspot.com.br/2010/11/besteiras.html 

31/10/09

Eu declarava o quanto era apaixonado pela Hayley Williams XD

Aiai… ainda sou apaixonado por ela. Só que não na mesma intensidade que antes. Tudo o que eu sentia por ela, eu tive a oportunidade de poder sentir por uma garota que estava ao meu alcance. Uma personalidade maravilhosa que me trás ótimas recordações.

http://bagulhodopaulista.blogspot.com.br/2009/10/hayley-williams.html