quinta-feira, 2 de maio de 2013

Ao som de Florence + The machine, vinte e poucos dias sem escrever de fato, aqui estou eu. Com a alma cheia de poeira, e o sr. psicológico debilitado, aos cuidados de Deus.

Mas esse recinto, não merece que eu encrave as palavras duras de sentimentos frios. Ficaria eternizado aqui ao lado de meus bons momentos. Acabando com a escência de felicidade cedida por estes, provenientes de minhas vitórias particulares.

Episódio repetido. A diferença é que dessa vez não há “anjos” físicos com que eu possa contar. Talvez até haja, e eu ainda não percebi. Eu diria que estão comigo diariamente até o momento em que cada um vai para a sua casa.

Veterano nesse campo de batalha, infelizmente o encaro novamente. Lembranças trazem o meu eu de um passado não muito distante, e me orgulho dele. Se não fosse aquele meu compromisso de valor mensurável no final de cada mês, eu voltaria àquele “eu” por completo.

Saudades de um tempo que não volta mais. Saudades de um valor que se perdeu no tempo a muitos anos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário